Rabanas no forno com calda de laranja (saudáveis; sem açúcar)


Como o sangue que me corre nas veias é todo ele serrano, as primeiras rabanadas do ano são de pão de centeio!!!
Eu adoro pão de centeio e lembro-me do tempo que não encontrava á venda por aqui, onde agora vivo. Quando ia a Seia, terra onde nasci e vivi até ir para a faculdade, consolava-me de pão. O pai ainda hoje, quando me vem visitar, trás sempre um pão grande de centeio. A par do requeijão, é do que mais sinto falta.
Agora já se vende pão de centeio em todo o lado e o cacete que aqui usei foi comparado no supermercado continente. Não é igual ao da serra mas funciona bem para as rabanadas.
A forma como eu as faço é muito simples. Quase não suja as mãos e, principalmente, suja pouca loiça.
Fiz uma calda de laranja também ela muito simples, que é aminha preferida para as rabanadas. Qualquer calda fica bem e pelo natal também faço de frutos secos, levando ao lume mel diluído em água e nozes, amêndoas e passas. Quando as passas já estão inchadas e o molho reduzido, está pronto.






Vão precisar de:
  • 1 cacete (usei um cacete de centeio) com 2 dias
  • 250ml de leite
  • 2 colher de sopa de mel*
  • 2 ovos
  • canela
* caso não façam calda, coloquem 3 colheres de sopa de mel
Para a calda:
  • sumo de 3 laranjas e tiras da casca de 1
  • 1 colher de sopa de amido de milho (maizena) ou polvilho doce
  • 3 colheres de sopa de açúcar mascavado ou de coco ou adoçante em pó (usei metade de açúcar mascavado e metade adoçante)
Confeção:
Comprei o pão e deixei dentro da embalagem 2 dias para que fique seco. Parti em fatias grossa (cerca de 1,5 cm de espessura) e coloquei num tabuleiro com as fatias bem aconchegadinhas.



Pus o leite numa tigela a aquecer no microondas (só aquecer, não ferver). Adocei com o mel.
Bati os ovos com um garfo e juntei ao leite. Aromatizei com canela.

 
Verti esta mistura sobre as fatias de pão. Esperei um minuto para que absorvem e virei-as. Esperei mais 2 minutos e voltei a vira-las. Mais 2 minutos e vão ver que já não há leite no tabuleiro. Polvilhei com canela.










Levei ao forno cerca de meia hora. Vão ver o pão inchar como se fosse um bolo.
Enquanto o pão este no forno fiz a calda.
Tirei a casca a 1 laranja e parti em tirinhas. Retirei o sumo a 3 laranjas.
Pus o sumo num tachinho e dissolvi nele o amido de milho, o açúcar e o adoçante. Levei ao lume, brando para não agarrar nem encaroçar, mexendo de vez em quando, até estar cremoso. A meio do tempo, introduzi as tiras da casca de laranja.

Verti a calda sobre as rabanadas e reservei alguma para colocar no prato.


Para um Natal saudável e cheio de sabor...

Comentários