Cheesecake clássico no forno com Calda de cereja (versão saudável; sem açúcar; "fit"; "low fat"; "low carb")


A minha historia com cheesecakes já é antiga e quem me segue á mais tempo já a conhece bem com certeza. Para além de ser o meu bolo preferido, não me canso de experimentar novos sabores, embora nos últimos tempos me tenha mantido fiel ao meu recheio, feito á base de queijo quark, bem "fit" e saudável. A razão é simples: sendo este o meu bolo preferido, não dispenso comer uma bela duma fatia; como não gosto de ver o ponteiro da balança a mexer, há que faze-lo bem magrinho.
Os cheesecakes de forno não são novidade para mim, nem tão pouco aqui no blogue. Podem ver uma outra receita carregando👉Cheesecake de chocolate no forno com framboesas (saudável; "fit"; proteico; feito com queijo quark/iogurte grego).
Infelizmente esta não é a versão que mais faço. Apesar da confeção ser muito simples, é preciso alguma atenção ao forno.
É mesmo por aqui que vou continuar. Este é um bolo facílimo de fazer. A base pode ser qualquer uma, desde a mais tradicional de bolacha picada com manteiga, até á de mistura de frutos secos oleaginosos triturados, ou mesmo uma base de farinha de coco que podem ver carregando aqui que, de resto, serve para todo o tipo de tartes.
O recheio não tem nada que se diga, é só bater todos os ingredientes e já está. Também aqui podem fazer algumas alterações, desde usar ricota ou queijo creme tipo filadélfia ou ainda mascarpone, a natas em vez do queijo quark, muitas são as possibilidades. O ingrediente adoçante também é ao critério de cada um, nada impede que seja seco ou liquido.







Onde está o segredo é mesmo na cozedura, ou seja, quando vai ao forno a assar. Eu nem sempre faço assim, mas esta é para mim a forma mais rápida ou que menos tempo me ocupa. Primeiro dou-lhe 10 minutos de cozedura a alta temperatura para que ele comece a cozinhar, depois baixo o forno para uma temperatura que não permita que ele ferva e com isso rache ou seque. Assim que ele esta "direito", desligo o forno e deixo-o lá ficar de forma a que o arrefecimento seja lento, não perca humidade. O mais importante é não abrir o forno. Eu sei que a tentação é muita, eu tive que abrir o meu, caso contrario não vos poderia dar aqui tempos certos e todas as dicas, mas é mesmo para evitar.



Vão precisar de:
(forma de 22 ou 24cm de diâmetro)
Base
  • 2 canecas de flocos de aveia (2x 240ml no copo medidor) ou farinha de aveia
  • 6 colheres de sopa de ingrediente adoçante que prefiram (mel, agave, geleias/xaropes adoçantes, açúcar de coco ou mascavado, adoçante; usei stevia liquido)
  • 4 a 6* colheres de sopa de iogurte grego natural (light) ou puré de maça ou óleo de coco derretido
  • 1 colher de chá de canela em pó ou aroma de baunilha
*Esta quantidade vai depender se usam ingrediente adoçante liquido ou sólido. Se, por exemplo, usarem mel, só irão precisar de 4 colheres de sopa.

Recheio
  • 500g de queijo fresco batido 0% mat. gorda (queijo quark)
  • 300g de iogurte grego natural
  • 4 ovos grandes
  • 7 a 8**colheres de sopa de ingrediente adoçante que prefiram (mel, agave, geleias/xaropes adoçantes, açúcar de coco ou mascavado, adoçante; usei stevia liquido)
  • 1 colher de sopa de sumo de limão (+ raspas de meio limão se não usarem a baunilha)
  • 2ml de aroma de baunilha (opcional)
**Habitualmente faço com 7. Se tiver convidados coloco 8.
Confeção:
Base
Forrei com papel vegetal untei uma forma de fundo amovível. Pus o forno a aquecer a 180ºC.
Coloquei os flocos de aveia no processador de alimentos e triturei até estar em farinha. Juntei os restantes ingredientes de voltei a triturar. Fica uma farofa solta mas que ao apertar as nossas mãos compacta.
Por norma nunca coloco o iogurte todo duma vez, primeiro ponho 4 colheres de sopa e só depois, se ainda estiver farinha muito solta, é que vou pondo mais. Como disse na descrição de ingredientes, a quantidade também fica dependente do tipo de ingrediente adoçante.
Passei a mistura de aveia para a forma e pressionei no fundo para fazer a base. Levei ao forno 10 minutos. Deixei arrefecer para secar (queremos que fique como se fosse feita com bolachas).
 

Recheio
Passei o forno para 240ºC.
Numa tigela bati todos os ingredientes com a batedeira elétrica. Verti este creme sobre a base fria e levei ao forno 10 minutos.
Baixei o forno para os 110ºC e deixei assar mais 25 minutos. Desliguei e mantive o bolo dentro do forno, fechado, por cerca de 2 horas.

Nota: Para quem não leu a introdução, este é um bolo facílimo de fazer. Primeiro uma base de "bolacha" e por cima um creme simples de baunilha. No entanto, para resultar na perfeição, é preciso dar alguma atenção ao forno. Se não baixarem o forno para os 110ºC ao fim dos 10 minutos, ele vai começar a ferver por dentro, vai rachar e secar. Também é extremamente importante não abrirem o forno e deixarem o bolo arrefecer por completo lá dentro. Ao fim dos 25 minutos desliguem e vão dormir, trabalhar ou descansar, mas deixem o bolo lá em paz, sozinho e fechado😉😀
 





Tão bom…



Comentários