Trufas de chocolate saudáveis e "fit" (3 ingredientes; proteicas; sem açúcar; com skyr ou queijo quark ou iogurte grego)

Numa conversa com um menino de 8 anos, filho de um casal amigo, ele segredou-me:
- A minha mãe disse que só havia trufas na minha festa de anos se tu fizesses uma receita boa. Sau-dá-veis...( esta ultima parte subiu o tom de voz e soletrou-me cuidadosamente😉)
- Ei, mas que grande responsabilidade que me deste. Tenho de tratar disso. E de que é que tu gostas mais?
-De chocolate!
-Pois, também não esperava outra coisa😏 Mas gostas de amêndoa ou coco...?
-Eu gosto de mirtilos.
- A serio?! E tu queres umas trufas de mirtilo?
-Não, eu quero trufas de chocolate!
Bom, posto isto, foi preciso pôr mãos á obra. Uma pequena pesquisa na net, que nem sequer deu em grande coisa, e pensar um bocadinho nas diferentes coberturas de chocolate para bolos que já fiz. Pensar especialmente nas que correram mal, pois era aí que ia arranjar a minha solução.
Já me aconteceu fazer coberturas que ficaram muito densas, tão "pastosas" que conseguia molda-las com as mãos. O meu problema é que não tinha nada disso escrito, pelo que foi preciso apelar á minha sensibilidade (sim, sensibilidade, porque a minha memoria é tipo Dori, esqueço-me do que fiz em 2 segundos...).
Em fase de testes fiz 3 receitas diferentes e só mesmo as de sabor a mirtilo é que não ficaram bem á primeira. E porquê? Não vou dar uma receita em que não use um pote inteiro, isso é um disparate receituário. Ninguém nunca deve dar uma receita com um produto fresco como um pote de iogurte em que vá sobrar um bocadinho. Daí ter sido difícil acertar na quantidade de chocolate necessária para um potinho de skyr que tem 150g. A primeira tentativa foi precisamente com 150g de chocolate. Não ficou mal, mas nestes dias mais quentes é preciso uma textura mais firme, que só consegui com 170g de chocolate.
Lá em baixo na descrição de ingredientes têm um alerta para a qualidade do chocolate nesta receita. É que uma trufa não é suposto ser muito doce. Por outro lado estamos a juntar 2 ingredientes que são doces: o iogurte skyr e o chocolate. Por isto aconselho usarem um chocolate amargo.
Antes de ir á receita, vou deixar aqui duas outras receitas de trufas, também elas muito fáceis e saudáveis. São receitas antigas aqui no blogue, mas sempre atuais nas minhas festas.

Falta falar de calorias. A receita feita com Skyr e sem óleo de coco tem aproximadamente 70 kcal por trufa; a receita feita com iogurte grego tem aproximadamente 80 kcal; por ultimo, cada trufa feita com quark tem cerca de 70 kcal.


Ingredientes para 15 trufas com skyr de mirtilo (podem fazer com o sabor que quiserem):
  • 170g de chocolate preto (usei 74% cacau; convém ser um chocolate amargo, pois o tipo de skyr a usar é doce)
  • 1 embalagem (150g) de skyr com o sabor que mais gostarem ou natural*
  • 1 colher de sopa de óleo de coco ou manteiga (opcional)
  • cacau em pó para a cobertura
* Se usarem um skyr natural aconselho a trocar o óleo de coco por uma manteiga de frutos secos oleaginosos, por exemplo amêndoa ou amendoim. É apenas pelo sabor.

Ingredientes para 8/9 trufas feitas com iogurte grego natural light:
  • 100g de chocolate preto (usei 74% cacau)
  • 2 colheres de sopa (30ml no copo medidor) de iogurte grego natural light
  • 1 colher de sopa generosa de manteiga de amendoim (ou outra de frutos oleaginosos que prefiram)
  • cacau em pó para a cobertura
Ingredientes para 10 trufas feitas com queijo quark:
  • 100g de chocolate preto (usei 74%cacau)
  • 3 colheres de sopa de queijo fresco batido % mat. gorda (queijo quark) (45ml no copo medidor)
  • 1 colher de sopa generosa de manteiga de amêndoa (ou outra de frutos oleaginosos que prefiram)
  • Cacau para a cobertura
Confeção:
Nota: São 3 receitas mas uma única forma de confeção. Uma diferença apenas no momento de acrescentar o óleo de coco (se usarem) ou as manteigas. O óleo de coco coloco com o chocolate ainda debaixo da água quente e as manteigas já fora.

Pus o chocolate a derreter em banho maria. Quando bem cremoso acrescentei o óleo de coco (ou a manteiga de amendoim/ amêndoa). Misturei bem e deixei arrefecer uns minutos (3 a 4).
Acrescentei o iogurte skyr (ou iogurte grego ou quark) e voltei a misturar bem.
Reservei no frigorifico cerca de 45 minutos.
Com a ajuda duma colher de sobremesa retirei pequenas quantidades da massa já enrijecida, fiz bolas na minha mão e passei-as por cacau em pó. Estão prontas!

 

Irresistíveis!




Comentários