Cheesecake de chocolate gelado (saudável; "fit"; sem açúcar; sem chocolate tablete; feito com queijo quark)

Com os dias a ficarem cada vez mais quentes, os doces frios começam a saber bem e, claro, os gelados vêm mesmo a calhar.
Foto 1 hora após sair do congelador para a temperatura ambiente (22ºC)👆.
Foto 5 horas após passar para o frigorifico👇

Eu sou fã de gelados cremosos, os conhecidos por "soft". Neste bolo de queijo foi exatamente isso que tentei fazer. Acreditem que não foi fácil e tive quase uma noite inteira a fazer "contas" para que a minha ideia resultasse. Primeiro tratei de me inspirar e fui ao youtube ver vídeos relacionados. Confesso-vos que, dos muitos que vi, nada me satisfez. Todos tinham "excessos", fosse de gordura, de açúcar, ou de qualquer outro ingrediente que não queira utilizar.
Solução foi mesmo pôr mãos á obra e tratar de elaborar uma receita.





Quando queremos fazer um gelado temos de ter em conta um principio básico: os ingredientes não podem largar água ao descongelar nem podemos usar água durante a sua confeção. Por exemplo, habitualmente eu ponho as tâmaras a demolhar em água. Para fazer gelado não posso fazer isso, pois essa água vai "notar-se" posteriormente e o gelado não vai ficar bom.
Depois havia alguns princípios químicos a ter em conta para que o bolo se aguentasse sem se desmanchar algumas horas no frigorifico. Isto porque quando fazemos uma receita temos de ter em conta que quem a vai reproduzir pode ir servir numa festa ou em circunstancias que não as nossas. Há que acautelar essas situações.
Foto 5 horas após passar para o frigorifico👇

Falta aqui o fator saudável vs calorias. É difícil fazer um bolo com sabor a chocolate pouco calórico, no entanto, tudo que pudermos reduzir é importante. Eu fiz todo o possível para reduzir ao máximo as calorias, mas também tive em conta fazer o mais saudável possível, escolhendo os ingredientes cuidadosamente e dispensando o chocolate em tablete.




















Como vêm pelas fotos ( e legenda das mesmas), este é um bolo gelado que aguenta algum tempo fora do congelador sem se desmanchar. Ao contrario de muitos outros bolos gelados, quando feitos á base de natas, que em 15 minutos então "estendidos no prato", este bolo não acontece isso. Nas fotos temos 2 situações:
-na 1ª situação tirei o bolo para a temperatura ambiente (22ºC) e passado mais ou menos 1 hora fotografei
-na 2ª situação o bolo foi fotografado cerca de 5 horas após sair do congelador, ou seja, 4 horas depois das 1ªs fotos, conservado esse tempo no frigorifico.

Para que isto aconteça ele tem de ter pelo menos 6 horas de congelação previa!!!!!!

Vão precisar de:
(Medida da caneca que usei é de 250ml; forma de fundo amovível de 22 ou 24 cm de diâmetro)
Base
  • 1 e 1/2 caneca de flocos de aveia
  • 2 e 1/2 colher de sopa de cacau em pó
  • 1 colher de sobremesa de café ( ou descafeinado) instantâneo (opcional)
  • 2 colheres de sopa de ingrediente adoçante á escolha (usei adoçante em pó stevia; podem usar mel, agave, açúcar de coco, mascavado, geleias ou xaropes adoçantes)
  • 1/2 caneca de queijo quark* (queijo fresco batido 0% mat. gorda) ou iogurte grego natural ou iogurte natural
  • 1 colher de sopa de óleo de coco derretido (opcional)
Recheio
  • 500g de queijo fresco batido 0 % mat. gorda (queijo quark)*
  • 200g de tâmaras secas + 2 colheres de sopa de ingrediente adoçante não granulado
  • 100g de cacau em pó
  • 200g de queijo creme (ou mais 200g de queijo quark)*
  • 1/4 de caneca + 3 colheres de sopa (90g) medido sólido de óleo de coco

*pode ser substituído por leite de coco sólido

Confeção:
Nota previa:
-Apesar de ser simples de fazer, requer algum tempo, não de preparação, mas de frigorifico e congelador. Eu fiz o meu no sábado para servir no domingo.


Comecei pelo recheio colocando numa tigela as tâmaras descaroçadas, o queijo quark e o cacau. Misturei, tapei e reservei no frigorifico durante cerca de 6 horas. As tâmaras vão "hidratar" lentamente no queijo.
Fiz este passo sábado de manhã e só á tarde retomei. Se tiverem um processador de alimentos potente que triture bem as tâmaras, não será necessário este tempo.

Retirei a tigela do frigorifico e triturei a mistura com a varinha mágica até estar cremoso. Podem usar o liquidificador ou processador de alimentos.
Juntei o queijo creme e voltei a triturar. Vão ver que fica mais cremoso. Provei o meu creme e achei que não estava suficientemente doce. Acrescentei 2 colheres de sopa de ingrediente adoçante (1 de mel e outra de adoçante em pó stevia). Reservei, fora do frigorifico para estar a temperatura ambiente no momento de colocar o óleo de coco, enquanto fiz a base.




Coloquei os flocos de aveia no processador de alimentos e triturei em farinha (se não tiverem podem fazer com eles inteiros). Juntei a alfarroba (ou cacau), o café, o queijo quark e voltei a triturar até fazer uma bola que se agarra á parede do processador. Soltei e acrescentei o óleo de coco derretido (é opcional; a base fica bem sem ele). Voltei a processar e passei para a forma previamente forrada a papel vegetal. Pressionei para fazer a base.


 
Entretanto o creme do recheio já está a uma temperatura adequada a receber o óleo de coco. Derreti-o no microondas e juntei ao creme. Voltei a triturar.
Verti o creme sobre a base e levei ao congelador durante a noite (6 horas no mínimo).








De manhã desformei.
Para servir gelado basta deixar á temperatura ambiente (entre 20 a 22ºC) meia hora. Para servir semigelado devem deixar no frigorifico pelo menos 2 horas. PODE FICAR NO FRIGORIFICO SEM SE DESMANCHAR CERCA DE 5 HORAS.






Fresquinho, saudável e uma delicia!





Comentários