Cheesecake de chocolate no forno com framboesas (saudável; "fit"; proteico; feito com queijo quark/iogurte grego)


Faltava-me esta aqui no blogue, não acham? Pois, de facto, uma fã como eu de cheesecake tinha de ter um tradicional, de forno no seu blogue. Se bem que eu adoro os crus, estes também são fabulosos!
E porque é que eu hoje fiz este? Porque está um frio de rachar lá fora!!!! Ou melhor, eu acho que não há sitio onde não esteja frio! Cá em casa está o aquecimento central ligado, a lareira desde que chego a casa, e nem assim sinto calor. Posto isto, é o dia ideal para um cheesecake no forno.
A parte mais difícil foi mesmo faze-lo com o mínimo de calorias possível. Isso é que não foi nada fácil... É que nos crus podemos usar as folhas de gelatina para os "endireitar", já nos de forno, as coisas não são bem assim. Claro que os ovos fazem esse papel. A proteína dos ovos vai coagular com o calor e dar estrutura ao bolo, mas eu queria um bolo mesmo "magrinho", um daqueles que possa comer uma fatia XL, pelo menos a 1ª fatia para me consolar.
A experiência correu bem e está aqui o resultado!




Antes da receita, vamos ás calorias que fiz questão de contar. Todo o bolo feito com os produtos que usei tem 2200 kcal. Apesar de para adoçar ter usado metade da quantidade de mel e metade da quantidade de adoçante stevia em pó, fiz as contas como se só tivesse usado mel. Se dividirem em 12 fatias, terão aproximadamente 180kcal por fatia; se dividirem em 14 fatias, são cerca de 160; e se dividirem em 16 fatias são cerca de 140. O que vos parece? Nada mau para um bolinho de queijo...
Vão precisar de:
  • 400g (2 embalagens) de queijo creme magro (usei da marca "goldessa" á venda no supermercado Lidl que tem 102 kcal por 100g)
  • 500g de iogurte grego natural light ou queijo quark (queijo creme batido) 0% mat. gorda ( ou mistura dos dois; usei 250g de queijo e 250g de iogurte)
  • 3/4 (1/2 + 1/4) de caneca de mel (250g) ou qualquer outro adoçante que prefiram seja liquido ou granulado (usei metade de mel e metade de adoçante em pó stevia)
  • 5 colheres de sopa de cacau em pó magro
  • 3 ovos grandes
  • 50g de chocolate preto (usei 70% cacau)
  • 100g de framboesas frescas ou descongeladas
  • pepitas de chocolate, molho de chocolate e framboesas para a decoração (opcional; receita do molho no fim)
Confeção:
Usei framboesas congeladas pelo que comecei por as pôr a descongelar pois não podem largar água no bolo.
Untei uma forma de fundo amovível de 20 cm de diâmetro e forrei com papel vegetal.
Pus o forno a aquecer a 160ºC e coloquei o tabuleiro do forno na zona mais baixa do forno. Pus água a ferver numa panelinha. Verti-a para o tabuleiro. Isto serve para que o bolo ao cozer não rache e seque. Estes queijos têm grande percentagem de água que irá evaporar e fazer rachas profundas. Para o evitar temos de aumentar o grau de humidade no forno. Para isso pomos um recipiente com água já quente por baixo.
Com uma faca, piquei bem o chocolate.
Numa tigela bati os queijos, o iogurte grego, o mel e o adoçante com a batedeira até estar bem cremoso. Juntei o cacau e voltei a bater, depois os ovos e bati mais uma vez.



Retirei a batedeira e adicionei o chocolate e as framboesas (não se vêm na foto pois enterraram logo). Envolvi cuidadosamente e verti na forma.








Como vão ver nas fotos seguintes, o bolo vai deixar verter algum liquido pela fissura da forma. É normal. Como não tem base, a água do queijo acaba por escapar. Caso não usem papel vegetal, coloquem folha de alumínio por baixo da forma para não sujarem o vosso forno.
Levei a cozer na zona média do forno por cerca de 1 hora. A meio do tempo espalhei pepitas de chocolate (não façam antes porque irão enterrar) e aumentei a temperatura do forno para 180ºC.
O bolo vai crescer, principalmente dos lados, mantendo-se sempre ligeiramente abaulado ao centro, exatamente como qualquer receita tradicional de cheesecake de forno.
Desliguei o forno e deixei-o arrefecer por completo dentro do forno com a porta entre aberta para saírem os vapores.




Para o molho de chocolate: A cada colher de sopa de mel corresponde 1 de cacau e outra de água. Fiz 2 "doses", ou seja, 2 colheres de sopa de mel, 2 de cacau e 2 de água. Misturei bem e levei ao microondas alguns segundos (não convém ferver). Deixei arrefecer um pouco. Se estiver muito denso é só acrescentar mais água.



Doces tentações....








Comentários

  1. Isto assim não há condições para vir aqui! É food-porn, sabia?! Perdoe-me a expressão! Mas para receitas como esta que nos deixam literalmente a babar, não há outro termo! Eu adoro cheesecake de forno, é a minha sobremesa favorita de todos os tempos! A primeira vez que provei um, estranhei, mas depois entranhei de tal forma que não consigo resistir a esta sobremesa. Também já tenho uma versão de chocolate lá no blog, mas não vou deixar de experimentar esta! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahah. Acho que temos gostos parecidos...Aqui o desafio foi fazer sem base. Porque fazer sem base? É que na base, seja do cheesecake ou das tartes, está uma enorme quantidade de calorias muitas vezes escondidas ou desvalorizadas. Eu como gosto muito de cheesecake, gosto de comer em pleno, com prazer e sem preocupação. Daí tentar fazer com o mínimo de calorias possível. É evidente que este não é igual a um tradicional, mas eu prefiro comer assim do que andar dois dias a pensar nas calorias que ingeri numa única fatia. Vai ver que vai gostar. Bom dia de São Valentim!

      Eliminar

Enviar um comentário