Entrecosto grelhado (no forno) com especiarias


Fazer entrecosto no forno nada tem de especial, eu e penso que muitos de vocês que vão ler este post fazem com regularidade. A razão da partilha é mesmo o tempero que faço e o tamanho de carne que compro. Pode parecer insignificante, mas faz toda a diferença...
O tamanho do entrecosto faz muito diferença quando o fazemos no forno. Na minha opinião, o entrecosto carnudo com mais de 1,2kg fica duro grelhado no forno e é muito mais gordurento.
Quando preciso de mais quantidade, prefiro comprar 2 peças mais pequenas do que uma maior.
O tempero é também muito importante para o sucesso. As especiarias e sumo de limão são para mim a melhor opção. Não adiciono qualquer tipo de gordura nem sal. Não é necessário se a carne marinar bem nas especiarias e limão.

Para 3 pessoas vão precisar de:
  • 1 peça de entrecosto carnudo com 1,2kg
  • 1colheres de sobremesa de pimentão doce
  • 1 colher de chá de cominhos
  • 1 colher de sobremesa de orégãos seco
  • 1 colher de chá de alecrim seco
  • 1 colher de chá de tomilho seco
  • 1 colher de chá de alho (em pó ou picado)
  • 1 colher de chá de molho de piripiri ou chili ou massa de pimentão
  • sumo de 1 limão
  • (hoje esqueci-me mas costumo pôr folhas de louro partidas na minha mão)
Acompanhei com salada de alface verde, tomate, espinafres baby e cenoura ralada.

Confeção:
Coloquei a peça de entrecosto partida ao meio numa assadeira. Esfreguei todas as especiarias e temperos pela carne. Reguei com sumo de limão, tapei e guardei no frigorifico de um dia para o outro.
Liguei o forno no máximo (240ºC). Quando bem quente, coloquei a carne com a parte do osso virada para cima. Sem mexer e sem abrir o forno, deixei grelhar durante meia hora. Virei e deixar cozinhar até estar dourado do lado mais carnudo (não muito para evitar que fique seco e demasiado fibroso).
Parti e servi com salada e arroz integral seco.


Bom apetite!

Comentários